Novembro Azul

Novembro Azul: mês da luta contra o câncer de próstata

O mês de novembro é marcado pelo Dia Nacional de Combate ao Câncer de Próstata (17) e pela campanha Novembro Azul, referência para atenção aos cuidados com a saúde da população masculina, com o objetivo de promover a mudança de visão e a quebra de paradigma sobre o homem ir ao médico realizar o exame preventivo

Segundo o urologista do Centro Médico Consulta Aqui, Dr. Rodrigo Wilson Andrade, há muitos mitos sobre os homens fazerem o exame de próstata.

“Ainda hoje enfrentamos vários preconceitos ao exame retal da próstata. É verdade que melhorou e vem melhorando continuamente, graças às campanhas, como o Novembro Azul. Sua divulgação tem sido cada vez maior e vem auxiliando na conscientização sobre a saúde do homem e na prevenção do câncer de próstata”, afirma.

O Dr. Rodrigo esclarece sobre a importância da realização do exame e das consequências caso ele não seja feito.

“O câncer de próstata é muito frequente. Um a cada seis homens vão sofrer dessa doença. O toque retal é simples, prático, indolor, sem custo e faz parte do exame físico na consulta do urologista. Todos os homens devem começar a fazer o exame anualmente aos 50 anos, porém, pacientes com familiares com o diagnóstico de câncer de próstata devem iniciar aos 40 anos. Os homens que não fazem o exame preventivo, podem demorar mais tempo até o diagnóstico e a demora de alguns anos afeta a chance de cura”, afirma.

Segundo o médico, haverá mais possibilidades de tratamento se a doença, caso exista, for identificada rapidamente.

“Quando a doença é diagnosticada em estágio inicial, a cura pode ser de até 90%. O termo “preventivo” na verdade se trata de diagnóstico precoce, o que aumenta muito o resultado de cura e diminui as complicações dos tratamentos, como impotência e incontinência urinária”, finaliza do Dr. Rodrigo.

Agora é a usa vez de deixar o preconceito de lado e de se cuidar de forma preventiva.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *